Recuperar RAID 1

Tive problemas com o RAID de uma das máquinas. Por algum motivo, um dos discos saltou fora do RAID 1.
Fui à procura na net e encontrei dois sítios com informação importante:
Replacing A Failed Hard Drive In A Software RAID1 Array
How to check ‘mdadm’ RAIDs while running?

Ao emitir o comando cat /proc/mdstat o resultado foi o seguinte:

md2 : active raid1 sdf1[1] sde1[0]
      1953512400 blocks super 1.2 [2/2] [UU]

md3 : active raid1 sdd1[1]
      1953512400 blocks super 1.2 [2/1] [_U]

md0 : active raid1 sda3[0] sdb3[1]
      73939072 blocks [2/2] [UU]

No md3 faltava o sdc1. Se estivesse lá, mas com erro, teria que ser removido primeiro, com os comandos seguintes:

mdadm --manage /dev/md3 --fail /dev/sdc1
mdadm --manage /dev/md3 --remove /dev/sdc1

E depois, desligaria a máquina e, se o disco estivesse mesmo avariado, trocaria o disco.
É necessário criar uma partição igual à da partição sdd1. Para comparar as partições, emitir o comando fdisk -l, cujo resultado, para os discos em causa, é:

Disk /dev/sdc: 1.8 TiB, 2000398934016 bytes, 3907029168 sectors
Units: sectors of 1 * 512 = 512 bytes
Sector size (logical/physical): 512 bytes / 4096 bytes
I/O size (minimum/optimal): 4096 bytes / 4096 bytes
Disklabel type: dos
Disk identifier: 0x98f9dba0

Device     Boot Start        End    Sectors  Size Id Type
/dev/sdc1        2048 3907029167 3907027120  1.8T fd Linux raid autodetect


Disk /dev/sdd: 1.8 TiB, 2000398934016 bytes, 3907029168 sectors
Units: sectors of 1 * 512 = 512 bytes
Sector size (logical/physical): 512 bytes / 4096 bytes
I/O size (minimum/optimal): 4096 bytes / 4096 bytes
Disklabel type: dos
Disk identifier: 0xbe1f7c22

Device     Boot Start        End    Sectors  Size Id Type
/dev/sdd1        2048 3907029167 3907027120  1.8T fd Linux raid autodetect

A partir daí, e para recolocar o disco novamente no RAID, o comando é o seguinte:

mdadm --manage /dev/md3 --add /dev/sdc1

A reconstrução do RAID é iniciada. Pode-se ir acompanhando o processo com o comando cat /proc/mdstat

md2 : active raid1 sdf1[1] sde1[0]
      1953512400 blocks super 1.2 [2/2] [UU]

md3 : active raid1 sdc1[2] sdd1[1]
      1953512400 blocks super 1.2 [2/1] [_U]
      [=============>.......]  recovery = 66.1% (1291278848/1953512400) finish=142.0min speed=77670K/sec

md0 : active raid1 sda3[0] sdb3[1]
      73939072 blocks [2/2] [UU]

ou então com o comando mdadm -D /dev/md3:

/dev/md3:
        Version : 1.2
  Creation Time : Sat Mar 10 21:20:35 2012
     Raid Level : raid1
     Array Size : 1953512400 (1863.01 GiB 2000.40 GB)
  Used Dev Size : 1953512400 (1863.01 GiB 2000.40 GB)
   Raid Devices : 2
  Total Devices : 2
    Persistence : Superblock is persistent

    Update Time : Wed Apr 25 12:51:45 2018
          State : clean, degraded, recovering
 Active Devices : 1
Working Devices : 2
 Failed Devices : 0
  Spare Devices : 1

 Rebuild Status : 65% complete

           Name : tao:3
           UUID : 90d1dc37:d4fd77a4:a4a1d0fe:98a3717d
         Events : 68048

    Number   Major   Minor   RaidDevice State
       2       8       33        0      spare rebuilding   /dev/sdc1
       1       8       49        1      active sync   /dev/sdd1

VirtualBox 5.2.10

Vou atualizar o VirtualBox nos dois hosts de máquinas virtuais. Eis os comandos:

cd /root
bat/vboxes stop
cd /usr/local/
VBoxManage extpack uninstall "Oracle VM VirtualBox Extension Pack"
reboot
exit
cd /usr/local/
chmod +x ./VirtualBox-5.2.10-122088-Linux_amd64.run
./VirtualBox-5.2.10-122088-Linux_amd64.run
VBoxManage extpack install Oracle_VM_VirtualBox_Extension_Pack-5.2.10.vbox-extpack
cd /root
bat/vboxes start

O ficheiro bat/vboxes é um ficheiro de comandos que criei para gerir as máquinas virtuais do VirtualBox.

Postfix e outras atualizações

Como ainda não tive tempo de estudar a configuração completa do postfix, neste momento mantenho o sendmail, assim como a versão antiga do imapd, ao invés do dovecot.

Assim, no principal servidor de email, não instalo os pacotes postfix, nem dovecot. E não desinstalo o imapd, nem o sendmail. Se por acaso algo falhar numa atualização, removo os dois primeiros e uso as últimas versões do sendmail e do imapd:

removepkg postfix-3.3.0-x86_64-3.txz
removepkg dovecot-2.3.1-x86_64-3.txz

installpkg sendmail-8.15.2-x86_64-2.txz
installpkg sendmail-cf-8.15.2-noarch-2.txz
installpkg imapd-2.20-x86_64-2.txz

Noutra máquina, tenho uma aplicação Web que recebe um ficheiro cifrado com uma função que o PHP descartou a partir da versão 7.1.0. Assim, nessa máquina, não devo atualizar o PHP, enquanto não arranjar solução alternativa. Caso me esqueça, aqui fica a solução para reverter a versão:

removepkg php-7.2.4-x86_64-2.txz
installpkg php-5.6.23-x86_64-1.txz
cp /tmp/mod_php.conf.example /etc/httpd/mod_php.conf

Costumo guardar os ficheiros das versões antigas na pasta /tmp.